Previsão de ventos muito intensos para a Metarea II no dia 23 de outubro de 2016

:

O IPMA é responsável pela elaboração de boletins de mar para várias zonas da Metarea II. Nesses boletins é feita a previsão de vento, ondas e visibilidade. Uma das ferramentas que se pode utilizar para aferir a fiabilidade dos dados do modelo para o parâmetro do vento é o sensor ASCAT (Advance SCATterometer). Este sensor está a bordo dos satélites Metop A e B e fornece informação sobre a intensidade e a direcção do vento duas vezes por dia na Metarea II em passagens de duas faixas com 550 km cada uma (e um intervalo de 700 km entre elas). Neste caso, dia 23 de outubro de 2016, podemos ver as passagens do ASCAT (às 10:30 e 11:30 UTC) sobre a Metarea II (Fig. 1). Neste dia a previsão indicava a existência de ventos com força 9, 10 e 11 na escala de Beaufort, respectivamente, muito forte, tempestuoso e temporal, que justificam a emissão de aviso de vento (a partir da intensidade forte) na zona indicada nas figuras 1 e 2.

A comparação da análise das 12 UTC do dia 23 do modelo do ECMWF (Fig. 2) com os dados do ASCAT, permitiu aferir que a previsão e a observação do vento coincidiam, quer em termos de intensidade, quer em termos de direcção, nas zonas sobrevoadas pelos satélites. Se houvesse um desfasamento entre os dados poderia ser necessário ajustar as previsões e os avisos, quer no período de tempo que os ventos iriam afetar a zona, quer na intensidade do vento.

 

B1.png

B2.png

B3.png

Entrar


Esqueceu a sua senha?
Novo utilizador?